Exercícios em família

Seja um exemplo para os seus filhos. Faça exercício em família e divirta-se.

O exercício físico é essencial para uma melhor qualidade de vida. No entanto, em Portugal, apesar do crescimento astronómico do número de praticantes de exercício físico, ainda são poucos os que o fazem de forma regular. Segundo o “european Social Survey”, apenas 13.1% dos homens e 11.5% das mulheres praticam exercício regularmente.

Para combater este facto, praticar exercício em família pode ser uma boa opção, tanto para os pais como para os seus filhos.

Em relação aos pais

O pensamento deve, em primeiro lugar, estar focado neles próprios: o exercício trará melhorias a nível pessoal/profissional e, consequentemente a sua família. Vejamos, pessoas ativas têm uma menor probabilidade de problemas cardíacos/articulares/respiratórios etc. e, consequentemente, maior e melhor longevidade. Adicionalmente, o adotar deste hábito saudável impulsiona também os seus filhos que, por verem pais ativos, terão mais tendência para também o ser.

Em relação aos filhos

Portugal tem dos maiores índices de obesidade infantil, assim como “hipo atividade”. Contudo, o tema Hiperatividade está na ordem do dia e é cada vez mais diagnosticado em crianças de tenra idade. Se recuarmos, verificamos que há 20 anos atrás não ouvíamos sequer falar nesta doença ou transtorno psiquiátrico, que afeta cerca de 6/7% das crianças (em “Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais” ou DSM-V). Mas não poderá este ser um diagnóstico, nalguns casos, precipitado e exagerado? A tecnologia está cada vez mais presente no seu dia a dia, o que pode ser tão útil quanto prejudicial. Se abdicarem dela durante algumas horas do dia, vão acabar por alcançar um nível de concentração mais elevado nos seus estudos e vão despertar as suas capacidades motoras na altura mais crucial da vida - em que o seu corpo se está a desenvolver – definindo a sua vida adulta nesse aspeto: criança ativa, adulto ativo.

Família

O exercício em família pode ser encarado como uma espécie de team building, estreitando e melhorando os laços de confiança que se desejam no seio familiar. Este tipo de interação direta entre pais e filhos leva a que ambos aprendam a comunicar verbal e fisicamente, algo que se perde cada vez mais na imensidão tecnológica em que vivemos. Desta forma, os pais aliviam os níveis de stress e o sedentarismo, e as crianças contrariam a sua inatividade.

exercícios em familia_bicicleta

Exercício

Tendo em conta a idade das crianças, estas não podem, à partida, frequentar um ginásio conjuntamente com os pais. No entanto, as atividades ao ar livre são uma excelente opção, desde fazer uma caminhada pela natureza, andar de bicicleta, saltar a corda, fazer uma corrida, jogar à apanhada ou outro qualquer jogo lúdico. O importante é darem azo à criatividade mexerem-se.


Em suma, nunca é tarde para começar a fazer exercício e, seja em que altura for, de certeza que se vão notar ganhos de uma forma rápida. O ser humano é detentor da mais espantosa das características: adapta-se a novas realidades com grande facilidade, logo, habituar-se ao exercício e aos seus benefícios será uma questão de vontade, que trará boas consequências: basta começar...

André Mota
Master Trainer Holmes Place

Gostou deste artigo? Deixe-nos o seu comentário.

Partilhe com os seus amigos!


Categoria Tags